quinta-feira, 19 de novembro de 2009

Inquietudes (4) do Rei

Por que a criação do feriado, em Londrina, da Consciência Negra incomoda tanta gente? Muitos – a maioria de cútis branca – se perguntam se vão criar o dia da consciência branca, amarela, vermelha. Por que eles se esquecem – ou não querem lembrar? - que os brancos e os amarelos chegaram aqui e os negros foram arrastados em correntes? Por que ser branco e amarelo é motivo de orgulho? Por que muitos dizem "ele é negro, mas tem alma de branco", como se isso não afetasse a auto-estima e a consciência individual e coletiva? Por que muitos argumentam que o conceito de raça não existe, mas teimam em fazer diferenciações raciais?

2 comentários:

artigosemvalor disse...

Eu não tenho nada contra o feriado da consciência negra. Eu tenho contra a quantidade de feriados que temos. Podia se fazer uma analise e ver se não da para eliminar alguns ou pelo menos jogar para sabado ou 2ª feira
visita eu lá Reinaldo.

TyZ disse...

Uau...
Profundo este rapaz, não concorda, Rei?
............
Enfim!
Alguns brasileiros são muito hipócritas quando chamam alunas de roupa (nem tão) curta de P...;
São muito tontos se acham que todos não temos bastante sangue negro nas veias;
Muito cegos para não perceberem que somos todos semelhantes. E as diferenças nos tornam iguais.

O que falta ao ser humano é só mais um pouquinho de noção. Humana.