quarta-feira, 4 de agosto de 2010

Sobre estupros e tesão III

Segredo de justiça impede a divulgação do nome do cantor sertanejo de Ibiporã, acusado de estupro de uma adolescente de 13 anos. Letras Crônicas tratou do assunto em "Sobre estupros e tesão" e "Sobre estupros e tesão II"

O cantor sertanejo foi indiciado pela polícia, conforme divulgação do Bonde. O inquérito depois de concluído será remetido ao Ministério Público. E a proteção à imagem do acusado - com segredo de justiça - mostra que se trata de gente com influência e acesso a advogados.

Pobres não podem se dar a esse luxo porque advogado não é gênero de primeira necessidade. Afinal custam caro, muito caro. Por isso, quando pobre é acusado acaba execrado publicamente tanto pela polícia quanto pela imprensa. Decididamente, os brasileiros não são iguais perante a lei. Lamentável!

Nenhum comentário: