domingo, 10 de outubro de 2010

Varejo e atacado

Enquanto a polícia mata pobre e preto na periferia,
as classes A e B exigem a PM como instrumento de segurança patrimonial.

Aquela em que a vituara passa protegendo as residências.
Para que PM?  Para proteger a vida?
Você confiaria sua vida nas mãos da polícia?

A boca de fumo estourada é notícia de jornal.
O traficante do morro é varijsta e se dá mal.
O dono do atacado mora nas melhores glebas das cidades.
Condomínio fechado. Proteção pessoal.
É amigo de deputado e relaciona-se com juízes.
Janta com quem deveria combatê-lo.
Pois é! Ainda bem que todos os brasileiros são iguais perante a lei.

2 comentários:

Lenise Souza disse...

É realmente difícil saber que quem deveria nos proteger é quem pode nos fazer mais mal....

Abraços

Bruxices tolas disse...

Pois é, né Rei... e a gente leva o maior susto quando vê um grnde sende preso e descobre que era o pai empresário/advogado gente boa do amiguinho(a) do nosso filho, e que a família do trafica não fazia a mínima ideia!!!!!!!