sexta-feira, 24 de dezembro de 2010

Pedidos a Papai Noel

Papai Noel, eu não tive tempo de escrever a minha cartinha de Natal antes.

Eu queria que não existissem preconceito e discriminação.

Eu queria que não existisse gente com fome.

Eu queria que não existisse gente morando na rua.

Eu queria que não existisse desemprego.

Eu queria que não existisse concentração de renda.

Eu queria que não existisse violência no Brasil.

Eu queria que não existisse criança sem pais.

Eu queria que não existisse criança fora da escola.

Eu queria que não existissem políticos corruptos.

Eu queria que não existisse elite corrupta.

Eu sei que o senhor é apenas o Papai Noel.

Eu queria que o senhor existisse para atender os meus pedidos.

Um comentário:

Diogo Mendes disse...

Reinaldo, sempre sendo Rei, crônica extraordinária.