quarta-feira, 5 de fevereiro de 2014

Escândalo Brasil

O brasileiro escandaliza-se mais com o beijo gay da novela do que com o adolescente negro e pobre, acusado de um furto, que foi espancando por “justiceiros” no Rio de Janeiro e amarrado nu a um poste.

O brasileiro escandaliza-se mais com os rolezinhos nos shoppings, do que com os lojistas que vendem grifes que usam trabalho escravo em sua linha de produção.

O brasileiro escandaliza-se mais com a possível legalização da maconha, do que com as mortes no trânsito e os assassinatos provocados por pessoas sob o efeito do álcool, uma droga legalizada. 

O brasileiro escandaliza-se mais com a possibilidade de regulamentar o aborto, do que com a morte de milhares de mulheres todos os anos, por se submeterem ao procedimento de forma clandestina.

O brasileiro escandaliza-se mais com os investimentos dos programas de transferência de renda do que com a sonegação de impostos no país.

O brasileiro escandaliza-se mais com as greves do que com as tentativas de parte do Congresso Nacional em retalhar os direitos trabalhistas, desfigurando a Consolidação das Leis do Trabalho (CLT). 

O brasileiro escandaliza-se mais com a quantidade de terras indígenas do que com a concentração de terras do agronegócio.

O brasileiro escandaliza-se mais com as ações do Movimento Sem Terra (MST) do que com o trabalho escravo em fazendas Brasil afora.

O brasileiro escandaliza-se de forma seletiva. E isso mostra muito sobre o seu caráter. E diz ainda mais sobre o próprio país. 

Nenhum comentário: