domingo, 10 de agosto de 2014

O tigre, o menino e a bipolaridade


Mais inusitado que um menino, de 11 anos, ter sido atacado pelo tigre Hu no zoológico de Cascavel, no dia 30 de julho, no oeste paranaense, está a repercussão do fato. Alguns comentários em sites noticiosos mostram o nível do debate provocado pelo episódio, que levou o menino passar por uma cirurgia e ter o braço amputado.

__(...)continua sendo esse mal educado e sem limites. Guri retardado. E tem gente q apoia ainda.
__Deveriam prender o pai por causar tamanho trauma em um animal indefeso e preso, o coitado do inocente tigre (...)
__Tinha que tirar a calça do pai e dar uma boa surra com um vaqueiro trançado de couro cru para ele aprender a cuidar melhor do filho...
__O menino já é bem grandinho e sem juízo.
__O menino atacou o tigre...o coitado do tigre tava quieto dentro da jaula.
__Pai irresponsável, menino sem regras dá nisso.
__Não tem competência p criar filho, então não faça. 

E o nível dos comentários piorou quando circulou, pela internet, um boato de que um grupo pedira o sacrifício do animal.

__Quem pediu o sacrifício do animal deve ser morto no lugar dele ou enjaulado.
__Eu quero o sacrifício do menino e do pai. Por favor!
__O pai da criança é que deveria ser sacrificado...
__Mas tem que ser muito filho da puta para pensar que a culpa é do tigre...
__
O garoto parecia mais é um macaco no cio. Tinha é que sacrificar o garoto por exesso de ignorancia.


O menino foi atacado pelo tigre. Isso é consequência. Isso é fato. Quais as causas? Imprudência do menino? Irresponsabilidade do pai? Falta de segurança do zoológico?

O episódio - que poderia ser gatilho para discutir o modelo de sociedade que temos - serve apenas para a catarse de quem banaliza a vida humana e supervaloriza a vida animal. Vida é vida. O resto é interpretação.

Quando a sociedade é radical, as posições são extremadas e o problema é a jaula do outro. O coliseu da internet joga o menino mais uma vez ao tigre, que é vítima do ser humano e faz o menino-humano vítima. 

Na arena da web, o tigre e o menino viram pretexto para camuflar a bipolaridade de uma sociedade que precisa de culpados, independentemente da culpa. Quem está mesmo preso em uma jaula?

OBS: A foto que ilustra esse texto é do Parque de Orana, na Nova Zelândia, que inverte os papéis entre os animais: humanos e leões. Para ler sobre, clique aqui.

Nenhum comentário: