segunda-feira, 30 de novembro de 2015

Inquietudes (289) do Rei

Deixe-me ver se entendi. O cara é um ladrão confesso, faz acordo de delação premiada, fica com uma parte do dinheiro que roubou para desfrutar. A receita quer cobrar Imposto de Renda, mas o Ministério Público (MP) discorda? 

O MP alega que cobrar imposto de criminoso pode dificultar o fechamento de novas delações, ou seja, o MP não consegue provar o crime, precisa do criminoso para isso e ainda devolve um dinheirinho pela contribuição. 

Definitivamente, o crime compensa e com aval do Ministério Público e da Justiça.

Nenhum comentário: