quinta-feira, 28 de abril de 2016

Decepcionados e satisfeitos

Ele é réu no Supremo Tribunal Federal (STF), acusado por crimes de corrupção e lavagem de dinheiro.
Ele é acusado de intimidar testemunhas e, portanto, obstruir a justiça.
Ele é acusado de manobrar a Comissão de Ética para evitar que prossiga o processo que vai avaliar a sua cassação.

Ele é Eduardo Cunha e

tem o apoio de líderes de movimentos que diziam combater à corrupção, como Kim Kataguiri.
tem a simpatia de muitos revoltados on-line que odeiam Dilma, Lula e o PT.
tem a gratidão de muitos deputados federais eleitos com a articulação financeira dele. 

Mesmo sendo réu no STF, 
mesmo acusado de obstruir a justiça, 
mesmo manobrando a Comissão de Ética para escapar da cassação, 

Eduardo Cunha manda e desmanda na Câmara e o STF não julga o pedido de afastamento parado desde 15 de dezembro (não era acovardamento, é cumplicidade).
O juiz Sérgio Moro - se investiga a mulher e a filha dele - vaza informação nenhuma para a mídia parceira da Lava Jato.

O Brasil inocente que acreditou na Lava Jato e no combate a todos os corruptos deve estar decepcionado, já os que lutam seletivamente contra a corrupção, devem estar satisfeitos.

Nenhum comentário: