quinta-feira, 1 de setembro de 2016

Inquietudes (335) do Rei

Uma das principais propostas de Temer, para temer, é congelar os gastos federais para os próximos 20 anos (saúde, educação, assistência social, cultura, entre outras áreas). O congelamento dos gastos, se passar no Congresso, só não valerá para pagamento de juros que mantém o mercado, seus rentistas e o capital especulativo. Reparou que investimento em povo é gasto e quem investe em povo é populista, mas quem investe no mercado não é elitista, é austero?

Nenhum comentário: