segunda-feira, 5 de setembro de 2016

Meia democracia, quase ditadura


A Polícia Militar superfaturava a quantidade de pessoas nos protestos "Fora Dilma". 
A Polícia Militar não estima a quantidade de pessoas nos protestos "Fora Temer". 

A Polícia Militar fazia foto com famílias inteiras nos protestos "Fora Dilma".
A Polícia Militar ataca, com bombas e balas de borracha, famílias inteiras nos protestos "Fora Temer".

A imprensa enaltecia os protestos "Fora Dilma".
A imprensa ameniza os protestos "Fora Temer".

A imprensa tratava como pacíficos protestos "Fora Dilma". 
A imprensa trata como baderna os protestos "Fora Temer".

A sociedade tratou como liberdade de expressão os protestos “Fora Dilma”.
A sociedade trata como arruaça os protestos “Fora Temer”.

A sociedade foi cúmplice dos ataques de Moro ao estado democrático de direito quando envolvia Dilma e Lula.
A sociedade quer respeito ao estado democrático de direito, somente agora.

Um país que trata sua democracia de forma - seletivamente - bipolar não vive uma democracia plena.
Um país que trata sua democracia de forma - seletivamente - bipolar vive uma meia democracia ou uma quase ditadura.

Imagem: Ballerina in a Death's Head by, Salvador Dali.

Nenhum comentário: