quinta-feira, 8 de dezembro de 2016

Inquietudes (347) do Rei

Volta e meia, leio alguém escrevendo que tem inveja, mas uma inveja boa. Se a sua inveja é boa, a minha luxúria é santa. Há!

Nenhum comentário: